Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2011

Palavra do dia - Afânise

Afânise origina-se do grego aphánisis, aphaniseós, ação de se livrar de, destruição, desparecimento. Subst. fem. Psicanálise: Desaparecimento do desejo sexual ou medo desse desaparecimento. = afanisia.


Em grego: Phanos significa luminoso. Phania significa intensidade da luz. Aphanisis, apagamento (referente ao brilho de uma estrela).


Fonte: Pribiram On-Line


Encontro Literário no Recife

Na semana passada fui convidada a assistir um colóquio com o escritor Affonso Romano de Sant'anna e a atriz Ângela Vieira, parte de um programa patrocinado pelo Centro Cultural Banco do Brasil - CCBB chamado Escritores Brasileiros. Muito interessante! Temos à nossa frente o escritor relatando ´causos´ sobre a sua vida e a sua poética e, entre um ´causo´e outro, a atriz faz a leitura dramática dos poemas. Uma iniciativa louvável, que nos permite conhecer melhor a produção dos nossos homens e mulheres de letras e ainda há a oferta de livros aos primeiros que chegam. Eu, infelizmente, perdi a oportunidade de ganhar um, pois cheguei um tantinho atrasada, levei uma hora e trinta minutos para chegar ao local do colóquio, devido a um grande engarrafamento causado por show do Padre Fábio Melo, na Praça do Marco Zero, que estava no meio do meu caminho. Transcrevo abaixo trecho de um dos poemas recitados por Ângela de forma magistral:
A Implosão da Mentira (ou o episódio do Rio-centro-fragmen…

Etimologia - Ficha

"Do francês fiche, tento e também pauzinho usado para marcar pontos no jogo. No século XV, o francês fiche designava instrumento de ferro, de ponta aumentada, utilizado para plantar a vinha. Quatro séculos depois, fiche já era também cartão ou folha solta para ordenar informações, e ficher, fixar em locais visíveis. Neste caso, a origem mais remota ainda é o latim figere, furar, transpassar, que ganhou o significado adicional de afixar, pelo latim vulgar figicare e depois ficcare, fincar. A expressão "caiu a ficha" remete aos primeiros telefones públicos em forma de orelhão, no qual, colocada a ficha, era necessário esperar que caísse para começar a falar e ouvir."


Fonte: Revista Caras (acredite!), coluna do professor Doutor Dionísio da Silva.
No Priberam: tento
s. m. 1. Atenção; cuidado; sentido.
2. Juízo; cautela.
3. Varinha que o pintor segura com a mão esquerda e em que apoia a direita.
4. Peça ou marca para contar pontos no jogo. 5. [Figurado]  Cálculo. dar tento: repar…

Artes Visuais - Gravuras no IAC

Exposição do Ateliê Livre de Gravura da UFPE - abertura em 23 de novembro de 2011, no Instituto de Arte Contemporânea, em Recife, Brasil. Artistas: Adriano Carvalho, Agnaldo Silva, Ana Longman, Angélica Borges, Antônio Nogueira, Bárbara Tenório, Hélio Soares, Inalda Xavier, Mazé Andrade e Norma Dubeux.
Fotos por Lais Castro.

Artes Visuais - Jobalo

Fotos por Lais Castro.
A Galeria Dumaresq, em Recife, apresenta a exposição Aoá, do artista pernambucano Jobalo, que vive na Itália, de 25 de novembro até 17 de dezembro de 2011. Aoá é uma série de paisagens nas quais o artista utiliza pigmentos metálicos que, com os contrastes de luz e sombra, resultam em telas com superfície brilhante e refletora. Segundo matérias divulgadas nos jornais da capital pernambucana, os trabalhos são impregnados de uma atmosfera budista,  calcada na subjetividade e ausência de formas perfeitas. Alguns outros trabalhos dessa série estiveram expostos na Balada Literária , na Galeria Virgílio, em São Paulo, na segunda quinzena deste mês. 
Para mim, são paisagens de sonhos, agradáveis ao olhar!



Texto do artista, no folheto de divulgação:  "Aoá é um som,
Um exercício de respiração.
Ao ar. Uma dedicação.
Também plenitude no vazio. Zen.
O mundo natural é constante e tem sido o mote dos últimos anos de estrada. A natureza não muito limpa como um arranjo floral deflo…

Etimologia - Arrabalde

"Palavra originada do árabe ar-rabad, bairro, equivalente ao latim suburbium, subúrbio. Era "ár-rabad", mas ao chegar a Portugal a pronúncia mudou para "ar-rabád", sem substituir suburbium, herdado da civilização romana. Tornou-se arrabalde por influência de "balde", que, com o sentido de embalde, debalde, veio do árabe batil, vazio, inútil. Outras línguas preferem o étimo grego peripheréia, periferia, que a língua portuguesa também usa, de que são exemplos as alusões a regiões muito pobres nas cercanias das cidades e aos países ainda insuficientemente desenvolvidos em relação aos líderes das economias referenciais do mundo contemporâneo."

Fonte: Revista Caras (acredite!), coluna do professor Doutor Dionísio da Silva


No Priberam:
arrabalde
(árabe ar-rabd, subúrbio)

s. m.
1. Lugar ou localidade que fica no aro de uma povoação.
arrabaldes
s. m. pl.
2. Proximidades, subúrbios, arredores.

étimo

s. m. Vocábulo considerado como origem de outro.

Artes Visuais - Martinho Patrício

Martinho Patrício nasceu em João Pessoa, Paraíba. Tem formação em Artes Visuais pela Universidade Federal da Paraíba, em João Pessoa. Geralmente usa o tecido como sua matéria básica e contrapõe texturas de materiais rústicos relacionadas às tradições do Nordeste, de modo a estabelecer um diálogo entre o tecido e essas texturas. Em sua poética aborda conceitos relativos a tempo, religiosidade, sagrado, profano, morte, deformação dos objetos de culto e dos ritos. 


Para ver mais imagens de obras do artista: AQUI

Etimologia das palavras - Cenário

No antigo teatro grego, os atores interpretavam a obra atrás do coro. O espaço que ocupavam era mais largo que profundo e, no fundo, se erguia uma parede, skené, decorada com colunas e esculturas, na qual se abriam de três a cinco portas. Com o tempo, skené, que também significava 'lançar ramas' ou 'cabana', passou a designar não somente a parede, mas também o cenário, o espaço onde os atores representam a obra. De skené mais graphos (ato de escrever, descrever ou desenhar) formou-se skenographia, que passou ao latim como scaenographia. Segundo Aristóteles, Sofócles tornou-se o primeiro cenógrafo ao usar fundos pintados em suas representações teatrais.
Esquecida no latim vulgar durante vários séculos, porque a Igreja havia condenado o teatro, a palavra renasceu em 1547 em francês, em um texto sobre arquitetura; na mesma época, apareceu em italiano como scenografia; em 1673, em espanhol como escenografia; e no século XVIII, em inglês, como scenography. Como espaço no qual…

Artes Visuais - Oriana Duarte

A exposição Plus Ultra (Nós, errantes) apresenta trabalhos inéditos no Recife, produzidos nos últimos quatro anos, como resultado da pesquisa de Doutorado da artista. Oriana fez uma pesquisa sobre o remo, atravessando rios de oito capitais do país. Na mostra, temos videoinstalação, projeção, objetos, desenhos, fotografias e textos decorrentes dessas travessias. No Santander Cultural no bairro Recife Antigo, até 27.11.2011.

Fotografia - Loretta Lux

loretta lux, photos by ice851106 on Flickr. Loretta Lux, de Dresden Alemanha, um dos principais nomes da fotografia contemporânea, esteve recentemente no Brasil, no  "5º Paraty em Foco", festival que reuniu grandes nomes da fotografia nacional e internacional, em setembro/2011. Em entrevista à Folha de São Paulo a artista fala sobre o seu trabalho: "Vejo-me como uma pintora que usa a câmara como ferramenta. Penso como pintora quando estruturo minhas composições, organizando formas e cores ao encenar a fotografia e trabalhar na tela do computador." A artista faz retratos hiperrealistas de crianças que ela diz que são retratos imaginários, porque não são de fato as crianças que ela fotografou. Diz ainda que sua série de crianças acabou e que logo estará explorando outros temas.

Fonte: Folha Online

Sobre Tradução...

Alguns elementos sobre tradução... para eu ter em mente, pois tem a ver com o trabalho que estou fazendo atualmente.
Tipos de tradução, de acordo com Roman Jakobson:
a) Tradução intralingual ou reformulação (uma interpretação dos signos verbais por meio de outros signos na mesma língua).
b) Tradução interlingual ou tradução propriamente dita (uma interpretação dos signos verbais por meio de alguma outra língua).
c) Tradução Intersemiótica ou transmutação (uma interpretação dos signos verbais por meio de sistemas de signos não verbais).
O tipo de tradução b descreve o processo de transferência da língua fonte (LF) para a língua meta (LM).

A equivalência completa (no sentido da sinonímia ou similaridade) não pode ocorrer em nenhuma de suas categorias, declara Jakobson - toda poesia é, portanto, tecnicamente intraduzível. Apenas a transposição criativa é possível: seja a transposição intralingual - de uma forma poética para outra, ou a transposição interlingual - de uma língua para outra, ou a…

Etimologia das palavras - Fogoso

BESITO FOGOSO, a photo by My World of Color Photographs bubbles on Flickr.


Ao ouvir ou ler a palavra fogoso, a gente geralmente a associa a fogo porque a relaciona com uma metáfora bastante plausível vinculada à impetuosidade das chamas e referida, em geral, ao vigor sexual. No entanto, a palavra nada tem a ver com fogo. Sua origem procede do francês fougueux, derivada de fougue (ímpeto, vigor), que se incorporou ao idioma de Baudelaire procedente do italiano foga (impetuosidade), oriunda do latim fuga (fuga, fugir). Por certo, a palavra fuga em espanhol e em português têm a mesma origem.
Fonte: elcastellano.org

Fotógrafo - Harold Joy

A-9388, a photo by de joie…... on Flickr. Uma profusão de cores!
Imagem lindíssima!